Espanhol Inglês      

Abaçai

Revelando SP abre espaço para Rodas de Conversas

As rodas de conversas se constituem como espaços que primam por uma metodologia participativa, a qual pode ser utilizada em diversos contextos. O Revelando São Paulo São José dos Campos 2016 abre o espaço para o diálogo, bem como para o compartilhamento de conhecimentos da cultura tradicional e da Cultura de Paz.

As rodas serão realizadas durante os dias de Festival, que acontece de 6 a 10 de julho com entrada gratuita.

Conheça os temas que estarão na roda de conversa do Revelando São Paulo - Vale do Paraíba - São José dos Campos:

Em Torno do Barro - 07/07 - Quinta-feira, 10h - Com o tema"Em torno do Barro", artesãos, pesquisadores e mestres ceramistas abordam as experiências, saberes e fazeres dos tradicionais mestres do artesanato feito em Cerâmica. A Roda apresenta Mestres de locais de grande identidade com o artesanato em Barro, como os Vales do Paraíba e do Ribeira. Além de Revelar está cultura de São Paulo, o espaço também propicia a troca de conhecimentos sobre processos de criação e o diálogo respeito da trajetória que a arte no barro tem em suas cidades.

Raqueados e Ponteios - 07/07 - Quinta-feira, 14h - Roda de conversa sobre a Viola com Jackson Ricarte instrumentista que abrirá o diálogo sobre a diversidade dos ritmos e as técnicas de ponteio da Viola Caipira.

Mesa Paulista - 08/07 - Sexta-feira, 14h - A culinária paulista é um de seus maiores patrimônios culturais, a roda de conversa que acontece no Revelando São Paulo Vale do Paraíba 2016, apresenta personagens, receitas, memórias e histórias desse rico universo. A Roda aborda o mapeamento dos mais variados aspectos que formam a culinária paulista, procurando intensificar as medidas de preservação, valorização das mais variadas iguarias enquanto valor integrante do patrimônio cultural paulista.

Axé nas Mãos de Quem - Sexta-feira, 16h - Em uma ação que faz parte da cultura de paz, a roda abre o diálogo a respeito das nuances e características que cercam as religiões de matizes africanas. Apresentar esta cultura arraigada no Brasil para que preconceitos e falsas questões sejam abolidas da ideia dos que visitam o Revelando.